Jornal da Band dá show de cobertura sobre a morte do jornalista Ricardo Boechat

O jornal da Band desta segunda-feira (11) deu um show de cobertura sobre a morte do seu âncora, o jornalista Ricardo Boechat. O Jornal Nacional também fez uma cobertura primorosa, apesar de Boechat ser concorrente de William Bonner.

Boechat foi vítima de um acidente de helicóptero na Via Anhaguera em São Paulo quando voltava de Campinas (onde havia feito uma palestra) para a capital paulista.

Sua morte foi lamentada por políticos de todas as tendências, os quais reconheceram que ele era um dos jornalistas mais importantes do Brasil.

“Boechat era um grande profissional, referência no jornalismo, capaz de conquistar o respeito tanto dos que convergiam quanto dos que divergiam de suas ideias e opiniões. Que seja sempre lembrado por isso”, disse o vereador Carlos Bolsonaro.

Os presidentes do Senado e da Câmara dos Deputados, Davi Alcolumbre (DEM-AP) e Rodrigo Maia (DEM-RJ), respectivamente, também divulgaram notas de pesar. “Era um profissional reconhecido pelo trabalho e senso crítico aguçado revelado nos principais meios de comunicação do país”, disse Alcolumbre em sua conta no Twitter.

Do lado da oposição, o senador Humberto Costa, líder do PT na Casa, se disse consternado com a notícia da morte de Boechat. “É uma grande perda para o Brasil a morte de um jornalista de incontáveis virtudes. Deixo aqui minha solidariedade à família, aos amigos, aos fãs desse grande profissional do nosso jornalismo”, escreveu também no Twitter.

Guilherme Boulos, do PSOL, classificou a morte de Boechat como precoce e trágica. “O Brasil perdeu um jornalista independente e com aguçado espírito crítico. Fará muita falta”, afirmou.

“Nos despedimos hoje, com muita tristeza, do grande jornalista Ricardo Boechat, que sempre demonstrou absoluto comprometimento com a notícia, com o jornalismo, com os fatos. A imprensa, o país e todos nós lamentamos esta partida tão precoce. Que a família, os colegas e os amigos de Boechat encontrem o conforto necessário neste momento tão difícil”, disse o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE).

O jornal da Band foi encerrado com imagem das redações de São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília. Todos os colegas de Boechat bateram palmas, exaltando o grande jornalista que ele era e a falta que fará ao grupo Bandeirantes.