Gadelha desafia Bolsonaro a “cantar o Hino Nacional corretamente”

O deputado federal Túlio Gadelha (PDT-PE) ironizou nesta quarta-feira (27) a decisão do governo Bolsonaro de “instrumentalizar” escolas, professores e alunos para fazer propaganda política com o slogan de sua campanha – “Brasil, acima de tudo e Deus acima de todos” – e desafiou o presidente da República a cantar o Hino Nacional corretamente.

Segundo ele, todas as semanas ocorre algum escândalo no governo federal. “Esta semana, a presepada foi a carta do Ministro da Educação, Ricardo Velez Rodriguéz, aos diretores de escolas, solicitando que organizem professores e alunos perfilados para execução do Hino Nacional e depois remetam os filmes para o MEC.

“Eu até acho uma boa idéia colocar os alunos para cantarem o Hino Nacional.Mas desafio o presidente Jair Bolsonaro a cantá-lo corretamente”, declarou Gadelha em seu primeiro discurso na Câmara Federal.

O pedetista sugeriu que também sejam filmadas as instalações precárias e as más condições das escolas públicas e cobrou responsabilidade ao Ministério da Educação.

“Nenhum governo pode estar acima de tudo e nenhuma crença está acima de todos”, afirmou.