0

Codevasf promete licitar ainda este ano a 1ª etapa do Projeto Pontal

A presidente da Codevasf, Kênia Marcelino, prometeu ao deputado Guilherme Coelho (PSDB) que até o final deste primeiro semestre o órgão estará lançando o edital para a licitação da primeira etapa dos lotes do projeto Pontal Sul.

Neste primeiro edital, disse ela, serão oferecidos mais de 300 lotes para colonos e aproximadamente 40 lotes para médios produtores.

Tirar o projeto Pontal do papel era uma das aspirações do ex-deputado Osvaldo Coelho, pai de Guilherme, que morreu em 2015 sem ver concretizado este seu velho sonho.

“A presidente Kênia Marcolino e sua equipe têm demonstrado total empenho nessa questão. Estamos caminhando para concretizar um projeto que vai trazer muita prosperidade às famílias do vale do São Francisco. Esta será a grande retomada dos projetos de irrigação na região”, afirmou Guilherme Coelho.

Por outro lado, o senador Fernando Bezerra Coelho (PSB), primo de Guilherme, anunciou nesta sexta-feira que a Codevasf vai perfurar mais 65 poços no Sertão do Pernambuco para minimizar os efeitos da seca.

Os recursos foram viabilizados, disse o senador, graças a emendas parlamentares de sua autoria e do deputado Fernando Filho, atualmente ocupando o cargo de ministro de Minas e Energia.

Serão 21 poços no Sertão de Itaparica, 28 no Pajeú e 10 no Moxotó, além de seis poços profundos no Sertão do Moxotó.

O anúncio foi feito pelo senador durante o seminário “Pernambuco em Ação” promovido pelo Governo do Estado na cidade de Petrolândia.

0

Presidente da Câmara de Arcoverde defende maior participação das mulheres na política

A vereadora e presidente da Câmara Municipal de Arcoverde, Célia Cardoso (PSB), defendeu nesta quinta-feira (23) por meio de uma carta aberta uma maior participação das mulheres na política.

Célia foi a primeira mulher a fazer parte da Câmara Municipal de Arcoverde e é candidata ao cargo de coordenadora da “UVP Mulher” na chapa do atual presidente Josinaldo Barbosa, do PTB de Timbaúba.

A eleição para a escolha dos novos dirigentes da UVP (União dos Vereadores de Pernambuco) ocorrerá neste sábado na cidade de Bonito. Josinaldo
Barbosa terá como adversário o vereador André Valença (PSD), presidente da Câmara Municipal de São Bento do Una.

Veja, abaixo, a íntegra da carta aberta da vereadora Célia Cardoso, ora cumprindo o 8º mandato na Câmara Municipal de Arcoverde:

Por mais mulheres na política

Neste final de semana, os vereadores pernambucanos vão eleger a nova diretoria da União dos Vereadores de Pernambuco e, para nós, que ao longo dos últimos dois anos coordenamos a UVP Mulher, temos a clareza de que o melhor caminho para que possamos avançar na luta por um Poder Legislativo mais autônomo, transparente e eficiente passa pela reeleição do vereador Josinaldo Barbosa a fim de que, juntos, possamos fortalecer a entidade, ampliar nossa força e ajudar a transformar Pernambuco em um Estado com mais trabalho e justiça social.

Como candidata a coordenadora da UVP Mulher, não poderia deixar de ressaltar a força que as mulheres vêm adquirindo na política, apesar de ainda sermos pouco representativas no país. Podemos citar que em alguns locais a mulher vem demonstrando sua competência, equilíbrio, e conquistando seu espaço.

Sou vereadora em Arcoverde e presidente da Câmara Municipal, aonde 50% das cadeiras são hoje ocupada por mulheres, demonstrando que, sim, a política também é lugar de mulher. Uma cidade que já foi governada por três mulheres, incluindo a prefeita atual (Madalena Brito). Fomos a primeira mulher eleita no município, em 1988, abrindo o caminho que hoje, graças a Deus e a competência feminina, ampliamos com garra, força e coragem.

Desde que conquistamos o direito ao voto em 1932, temos lutado para fazer valer nosso papel na transformação da vida política, econômica e social do Brasil, de Pernambuco e de nossos municípios.
Nosso estado tem hoje pouco mais de 14% de mulheres ocupando cargos eletivos e isso precisa mudar. Precisamos avançar.

Como coordenadora, e com a experiência de 8 mandatos como vereadora, teremos esse papel de ampliar nosso trabalho, atraindo ainda mais a mulher para a política, porque é partir dela que podemos fazer as transformações na economia, nas relações sociais e até familiares.

Lugar de mulher é aonde ela quiser estar, não existem limites para as mulheres no mundo de hoje. Essa cultura de que lugar da mulher é em determinado local não cabe mais em nosso tempo. Precisamos trabalhar para quebrar os espaços impostos pelos interesses vigentes que reservaram para nós a casa, cuidando do marido e das crianças, ou o trabalho, ajudando a prover o sustento da família.

Temos e podemos ir além das limitações que nos impõem e a UVP Mulher vai seguir sendo esse instrumento para superarmos essas limitações. Vamos promover a regionalização desse trabalho, criando espaços de luta em cada região de nosso Estado.

Vamos buscar integrar o trabalho das vereadoras em todo o Estado, fortalecendo nossa participação nas grandes decisões políticas que afetam o dia a dia dos cidadãos e cidadãs de Pernambuco, e nas cidades a onde estamos representando o Poder Legislativo. Aonde tiver uma vereadora, a UVP Mulher será o braço forte nesta luta pela ampliação do nosso espaço.

O combate à violência contra a mulher e a conquista de espaços na política serão nossas grandes prioridades a frente da UVP. Como mulher, temos um olhar mais especial para questões como: saúde, educação, políticas públicas de assistência social. E a mulher no poder tem condições de ajudar outras mulheres menos favorecidas. Esse é nosso desafio e a nossa meta: ampliar e intensificar o trabalho iniciado há dois anos.

Temos muitas lutas, bandeiras antigas, como a igualdade no mercado de trabalho, por mais salários, mais direitos e também mais responsabilidades. Só teremos uma sociedade justa quando a mulher estiver plenamente emancipada, e aos homens digo sempre que o lugar deles nessa luta é ao nosso lado.

Temos que ser indivisíveis, ser um só em prol do desenvolvimento e da valorização da política. É com este espírito, de combatividade, luta, coragem, diálogo, que colocamos nosso nome para mais um mandato à frente da UVP Mulher. Vamos fortalecer os espaços da mulher na UVP, promover encontros que resultem numa maior interação e fortaleça nossa luta ao lado dos vereadores, importantes aliados nessa transformação cultural que vai atrair ainda mais mulheres para a política.

Vamos construir um calendário de atividades aonde a mulher seja o foco das discussões. Temos ao longo do ano vários momentos que servirão de reflexão e debates para fortalecer essa luta da mulher na política e na vida social de nosso país, a exemplo do Dia Nacional da Mulher, no final de abril; o Dia Nacional de Luta pela Saúde da Mulher, em maio; Dia Internacional da Mulher Negra latino-americana e caribenha, em julho; em setembro, o Dia Internacional contra a exploração sexual da mulher; em outubro, o Dia Nacional de Luta contra a violência à Mulher, dentre outros momentos que vamos proporcionar o debate, encaminhamentos de lutas e propostas que deverão ser levadas a cada município pernambucano.

Queremos vereadores e vereadoras unidos, continuar a fazer da UVP a casa do vereador, fortalecendo uma instituição que, unida, pode transformar nossa sociedade e ajudar a construir um Pernambuco mais justo e solidário.

0

Líder da Oposição na Câmara de Petrolina pede explicações sobre processo seletivo simplificado

O líder da Oposição na Câmara Municipal de Petrolina, vereador Paulo Valgueiro (PMDB), protocolou requerimento na Casa solicitando informações ao prefeito Miguel Coelho (PSB) sobre um processo de seleção simplificada para a contratação de servidores temporários para a Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos. O requerimento foi rejeitado nesta quinta-feira (23) pela maioria governista.

O vereador defendia no requerimento a suspensão do processo seletivo até que fosse esclarecida a legalidade da forma de inscrição bem como da escolha dos candidatos.

“Saliente-se que muitas são as denúncias de irregularidades que se apresentam, sempre no sentido de influências externas no certame, haja vista a modalidade escolhida não testar o conhecimento das pessoas, mas somente a entrega do currículo”, diz o requerimento rejeitado.

“Hoje (23) Petrolina foi surpreendida pelo rolo compressor do Poder Executivo em razão de este vereador ter requerido transparência nos atos da administração pública municipal. Os vereadores da situação reprovaram um requerimento de minha autoria que buscava tão somente informações sobre o propalado processo seletivo da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos. O trator da situação também derrubou uma moção de repúdio de autoria do vereador Gabriel Menezes, igualmente da bancada da oposição, repudiando o posicionamento dos deputados federais de Pernambuco que votaram a favor do projeto de lei nº 4302/98 que permite a terceirização por parte das empresas das contratações para qualquer tipo de atividade laboral”, declarou Paulo Valgueiro.
Que aproveitou o seu discurso para fazer o seguinte desabafo: “Diante desses fatos, onde está o respeito aos princípios da administração pública? Onde está o zelo pela transparência? Onde está a defesa do interesse público? Quem está em primeiro lugar – o povo ou os interesses pessoais de um gestor? O que entristece a população é a forma autoritária e intransigente como o Poder Executivo vem conduzindo os seus atos ao longo desses quase três meses de governo intitulado de ‘Novo Tempo’”.

E concluiu: “Isso tudo que vem acontecendo em Petrolina nos faz lembrar os versos da canção de Ivan Lins, que tem como título ‘Novo tempo’ e que demonstra que o novo nem sempre traz a felicidade prometida. Muitas vezes o novo vem acompanhado de dor, desesperança, injustiças, desilusões, de infortúnios, e cobra um preço muito alto pela busca ao desconhecido”.

Vejamos o que diz a canção:

No novo tempo, apesar dos castigos
Estamos crescidos, estamos atentos, estamos mais vivos
Pra nos socorrer, pra nos socorrer, pra nos socorrer
No novo tempo, apesar dos perigos
Da força mais bruta, da noite que assusta, estamos na luta
Pra sobreviver, pra sobreviver, pra sobreviver
Pra que nossa esperança seja mais que a vingança
Seja sempre um caminho que se deixa de herança
No novo tempo, apesar dos castigos
De toda fadiga, de toda injustiça, estamos na briga
Pra nos socorrer, pra nos socorrer, pra nos socorrer.

0

Governador começa por Afogados da Ingazeira o 1º encontro do “Pernambuco em Ação”

O governador Paulo Câmara iniciou por Afogados da Ingazeira (Sertão do Pajeú), nesta quinta-feira (23), a série de encontros “Pernambuco em Ação” que irá realizar nas 12 microrregiões do Estado até o próximo mês de junho.
A finalidade deste encontro, que se realizou na Pousada de Brotas e teve a participação de quase todos os prefeitos do Pajeú, além de deputados estaduais, federais e secretários de estado, foi aproximar o Governo do Estado das lideranças políticas do interior e permitir ao governador que explique aos aliados por que suas principais promessas de campanha não foram cumpridas até agora.

Em 2014, como candidato a governador, Paulo Câmara prometeu dentre outras coisas construir quatro novos hospitais em Pernambuco (Petrolina, Serra Talhada, Garanhuns e Recife), duplicar a BR-232 no trecho São Caetano x Cruzeiro do Nordeste e dobrar o salário dos professores.

Já está com dois anos e três meses de governo e nenhuma dessas promessas foi honrada. Hoje é que ele passou por Serra Talhada para conhecer o terreno em que será construído um Hospital Regional do Sertão, que sequer tem projeto básico pronto.

Antes do encontro político com as lideranças do PSB e partidos aliados, o governador inaugurou ao lado do prefeito José Patriota (PSB) a reforma e ampliação (com recursos do FEM) da Escola Municipal Domingos Teotônio e deu por inaugurado o recapeamento asfástico de uma estrada que estava pronta há mais de 1 ano: a que liga Afogados da Ingazeira ao distrito de Albuquerque Né (município de Sertânia).

Após o encontro político na Pousada de Brotas, o governador deslocou-se para a cidade de Flores para inaugurar – ao lado do prefeito Marcone Santana (PSB) a pavimentação do trecho que liga a PE-337 (acesso ao Distrito de Fátima) à entrada do município (12 km).

0

Tudo começou por Petrolina, diz Guilherme Coelho sobre Marco Maciel

Por proposição do deputado Augusto Coutinho (SD), a Câmara Federal prestou uma homenagem nesta quarta-feira (15) ao ex-senador Marco Maciel (DEM-PE) pelos seus 50 anos de vida pública.

Coube ao deputado Guilherme Coelho (PE), que representou a bancada do PSDB, relatar a origem política do ex-senador: disputou uma cadeira de deputado estadual em 1966 (seu primeiro mandato) com apoio da família “Coelho” de Petrolina.

“A partir dali consolidaram-se os seus vínculos com a cidade, que perduraram enquanto durou sua vida pública”, disse o deputado.

“Hoje, o senador Marco Maciel está no recesso do dia a dia político, afastado dos embates eleitorais, em convívio de sua família. Mas fez história em Pernambuco e no Brasil e eu tive o privilégio de assistir”, acrescentou.

A sessão solene reuniu políticos de vários partidos. Na ocasião, foi exibido o documentário “Marco Maciel: a Política do Diálogo”, produzido pela TV Câmara.

Estavam presentes o ex-senador José Sarney, de quem Maciel foi ministro da Educação e da Casa Civil, o ministro Mendonça Filho (Educação), os ex-governadores Jarbas Vasconcelos (PMDB) e João Lyra Neto (PSDB) e os senadores Armando Monteiro Neto (PTB-PE), Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE), José Agripino (DEM-RN) e Ana Amélia (PP-RS).

“Em tempos difíceis como os que temos vivido, em que precisamos de líderes nacionais que promovam uma grande articulação política, não termos Marco Maciel no nosso dia a dia é um tanto entristecedor. Uma pessoa de moral irretocável, nunca questionado quanto a sua honestidade e que exerceu tantos cargos de relevância na vida pública. Podemos dizer que ele é o maior exemplo de um político ficha limpa”, disse o deputado Augusto Coutinho.

“Marco Maciel é minha fonte permanente de inspiração política e na vida pessoal. Tudo o que ele fez na vida pública e pessoal, fez bem feito. Se doou por inteiro”, disse o deputado André de Paula (PSD).

Já o deputado Sílvio Costa (PTdoB) disse que mesmo nunca tendo votado em Marco Maciel sempre reconheceu a importância dele para a política nacional.

“Sempre fiz oposição a Marco Maciel, mas o deputado Augusto Coutinho foi profundamente feliz quando teve a ideia de prestar essa homenagem a um homem que fez política como a política tem que ser feita. Que falta Marco Maciel faz nesse momento!”, acrescentou.

“Pernambuco sempre deu ao Brasil grandes exemplos na política. Marco Maciel é dessa linhagem de boa política e conduta exemplar”, completou o deputado Tadeu Alencar (PSB).

“Ele sempre se antecipou ao seu tempo. Seu legado sempre foi pautado pela ética, pela responsabilidade e pelo compromisso com a boa política”, disse a senadora Ana Amélia (PP-RS).

A mulher de Marco Maciel, Anna Maria, participou da sessão juntamente com os três filhos do casal.

0

Prefeito de Petrolina manda reabrir o Restaurante Popular  

O prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (PSB), assinou a ordem de serviço nesta terça-feira (15) para início das obras de restauração do “Restaurante Popular” que foi fechado há cerca de três meses devido a uma série de depredações.

A prefeitura vai investir R$ 130 mil na reforma do restaurante, que deverá ser reinaugurado na primeira quinzena de abril.

Estão previstas no projeto a reforma dos banheiros, nova pintura, revisão elétrica, troca de parte da cerâmica do piso e substituição de portas danificadas.

Além disso, segundo o prefeito, serão adquiridos novos equipamentos como mesas, cadeiras, utensílios para cozinha, bandejas e sistema de refrigeração dos alimentos.

“O Restaurante Popular tem uma grande função social de garantir alimentação para quem mais precisa. É uma obra de um custo relativamente baixo, que trará um enorme benefício para a população de baixa renda”, declarou o prefeito.

Segundo ele, o equipamento lhe foi entregue no início da gestão com diversos itens depredados ou furtados. Por conta da falta de condições de funcionamento, teve que ser fechado em janeiro para reforma.

Quando voltar a funcionar, vai oferecer almoço e jantar a preços populares, com capacidade para produzir 800 refeições durante o dia e 300 sopas no período noturno, tudo com acompanhamento de nutricionistas.

0

Ex-prefeito de Sertânia teria pago show de Paula Fernandes com dinheiro da Funasa

Com base em farta documentação, o vereador Edmundo Alves (PSB) denunciou na Câmara de Sertânia na noite de ontem (8) que o ex-prefeito Guga Lins (PSDB) teria pago um show da cantora Paula Fernandes com recursos recebidos da Funasa que eram destinados à área de saúde.

Segundo o vereador, por falta de prestação de contas e o uso indevido dos recursos, a Funasa (Fundação Nacional de Saúde) está cobrando do atual prefeito Ângelo Ferreira (PSB) a devolução de R$ 327.426,76 (trezentos e vinte e sete mil, quatrocentos e vinte e seis reais e setenta e seis centavos) do programa de melhoramento habitacional para prevenção da Doença de Chagas.

O programa previa a substituição de casas de taipa por casas de alvenaria, cuja data para prestação de contas se encerrou em 30/04/2015.

“O ex-prefeito Guga Lins, no ápice de sua irresponsabilidade, além de não usar esses recursos para os fins a que se destinavam, criminosamente fez várias transferências desse dinheiro, uma delas para pagar um show da cantora Paula Fernandes durante a “ExpoSertânia 2015”.

O cheque, segundo o vereador, no valor de R$ 160.370,66 (cento e sessenta mil, trezentos e setenta reais e sessenta e seis centavos), datado de 30 de dezembro de 2016, devolvendo parte do dinheiro desviado, “só foi depositado pelo ex-prefeito na conta da prefeitura em 02/01/2017”.

“Esse foi mais um cheque que Guga Lins emitiu quando não era mais prefeito, usando parte do dinheiro da repatriação para tentar esconder seus crimes fiscais e administrativos, mesmo sabendo que em dinheiro de convênio não se mexe e que o dinheiro da repatriação deveria ter sido usado para pagar a folha de pagamento dos servidores municipais do mês de dezembro 2016. É uma questão de tempo para o ex-prefeito ter que se explicar nas instâncias judiciais e de controle”, disse o vereador.

0

“Chapéu de palha” da fruticultura começa a ser paga no dia 20

O secretário estadual do Planejamento, Márcio Stefanni, informou nesta segunda-feira (6) que no próximo dia 20 terá início o pagamento da bolsa do programa “Chapéu de palha” para os agricultores da fruticultura irrigada do vale do São Francisco.

O calendário de pagamento, disse ele, seguirá o mesmo cronograma do programa Bolsa Família do Governo Federal. O Governo do Estado desembolsará para este programa cerca de R$ 1,8 milhão.

O cadastramento dos beneficiários se realizou entre os dias 23 e 27 de janeiro. As inscrições puderam ser feitas nos 14 pólos localizados nos municípios de Belém do São Francisco, Cabrobó, Lagoa Grande, Orocó, Petrolândia, Petrolina e Santa Maria da Boa Vista.

Ao todo, segundo a Seplag, 9.016 trabalhadores realizaram o cadastramento com sucesso. Petrolina com 7.287 beneficiários e Lagoa Grande com 1.476 foram as cidades que mais cadastraram.

A expectativa do Governo do Estado era a de que a demanda pela bolsa este ano fosse maior que em 2016, mas os números mostraram uma diminuição.

“A procura foi menor do que o esperado. Tivemos uma queda de 9% tanto de trabalhadores que procuraram o programa quando no total de cadastrados. Isto prova que outras ações do Governo do Estado estão impactando positivamente na economia da região do São Francisco”, declarou Humberto Viana, coordenador do programa na Seplag.

Terão direito à bolsa do “Chapéu de palha” trabalhadores rurais, auxiliares de câmara fria e de casa de embalagem, embaladores ou tratoristas, maiores de 18 anos, que tenham trabalhado com registro em carteira pelo período mínimo de 30 dias corridos entre 1º de junho e 31 de dezembro de 2016.

0

Vazamento no reservatório de Barreiro será consertado em cinco dias

Técnicos do Ministério da Integração Nacional garantiram neste final de semana que vão cumprir a recomendação do Ministério Público da Paraíba e consertar no prazo de cinco dias o vazamento ocorrido na última sexta-feira (3) no reservatório Barreiro, no município de Sertânia (PE).

A barragem fica localizada entre as estações de bombeamento 5 e 6 do Eixo Leste do projeto de transposição do rio São Francisco. O vazamento foi contido durante a madrugada do último sábado e, segundo o prefeito Ângelo Ferreira (PSB), a situação está sob controle.

“Eliminamos o risco de vazamento. Todo o barramento já foi verificado e não foi atingido. A segurança está mantida”, garante o secretário de Infraestrutura Hídrica do Ministério, Antônio de Pádua.
Ele disse que há cerca de 50 técnicos no local tentando diagnosticar as causas do problema para que o vazamento não mais de repita.

“Estamos fazendo uma série de testes e preparando um diagnóstico definitivo, mas a nossa preocupação em primeiro lugar é com a segurança da população e da obra”, disse Antônio de Pádua.

Desde o primeiro comunicado sobre o vazamento no reservatório, equipes do Ministério foram pessoalmente – de casa em casa – alertar os moradores de comunidades na região.

De forma preventiva, elas se ofereceram para remover cerca de 60 famílias de 10 localidades para áreas seguras. Um ginásio, uma escola municipal, um salão paroquial e o canteiro de obras do projeto de transposição, todos no distrito de Rio da Barra, foram postos à disposição dos moradores.

As obras do reservatório Barreiro foram iniciadas em março de 2014 e finalizadas em setembro de 2015. O início do enchimento se deu em 25 de fevereiro deste ano e a saída das águas pela estrutura de controle aconteceu no dia 27 do mesmo mês, totalizando dois dias de enchimento.

O reservatório, que tem comprimento de 1,91 km e 14,39 metros de profundidade, possui capacidade para acumular de 2.612.000 metros cúbicos de água.

0

Vice-governador recebe deputada de Araripina

Acompanhada do marido, Alexandre, que já foi prefeito de Araripina, a deputada Roberta Arraes (PSB) foi recebida em audiência nesta quinta-feira (2), no Recife, pelo vice-governador e secretário de Desenvolvimento Econômico, Raul Henry (PMDB).

Ela levou ao conhecimento do vice os principais problemas da região do Araripe, da qual é uma das representantes na Assembleia Legislativa junto com a também deputada Socorro Pimentel (PSL), esposa do prefeito Raimundo Pimentel (PSL).

O Araripe é o maior produtor de gesso de Pernambuco mas se destaca também pela criação de caprinos e de ovinos, pela produção de mel de abelha e pelo plantio de mandioca.

O vice garantiu à deputada que vai agendar uma visita à região para uma troca de opiniões com os empresários locais sobre a melhor maneira de desenvolver a sua economia.

Desde que assumiu a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, em fevereiro último, Raul Henry tem feito uma série de viagens pelo interior de Pernambuco para manter o governador Paulo Câmara informado sobre os seus arranjos produtivos. A última delas foi a Petrolina, onde conversou com o prefeito Miguel Coelho (PSB) sobre os problemas do Vale do São Francisco.