0

Antonio Campos recorre à Lei de Acesso à Informação para obter dados sobre Olinda

Com base na Lei de Acesso à Informação, o advogado Antônio Campos protocolou requerimento na Prefeitura de Olinda solicitando dados sobre como o prefeito Professor Lupércio (SD) encontrou as finanças do município.

O prefeito respondeu o requerimento no prazo de 15 dias, mas sem as informações solicitadas. Ele disse que não foi possível, ainda, coletar todos os dados sobre a gestão do seu antecessor, Renildo Calheiros (PCdoB), e pediu mais prazo para fazê-lo, sem, no entanto, estabelecer data.

“Tiveram 60 dias de transição e lá se vão quase 90 dias de gestão e não foram divulgados sequer números parciais sobre a situação da Prefeitura”, reclamou o advogado, que perdeu a disputa no segundo turno para o atual prefeito.

0

Prefeitura de Jaboatão abre processo simplificado para contratação de médicos

O prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira (PR), autorizou nesta sexta-feira (24) a Secretaria Municipal de Saúde a realizar uma seleção simplificada para contratação de médicos.

Há vagas para médico psiquiatra (9), infectologista (1) e Programa Saúde da Família (10), além de condutor de ambulância do SAMU (31), totalizando 51 profissionais.

O edital foi publicado ontem (23) no Diário Oficial do Município e as inscrições poderão ser feitas até o dia 5 de abril próximo através do site www.jaboatao.gov.br.

Segundo a assessoria do prefeito, a contratação dos 20 médicos das três áreas garantirá que 100% das Unidades de Saúde da Família (USF) tenham especialistas para atender aos pacientes.

A entrega da documentação pelo inscritos deverá ser feita na Secretaria de Saúde (Avenida Barreto de Menezes, s/n) nos dias 6 e 7 de abril. A divulgação do resultado será feita no dia 3 de maio e a convocação dos aprovados no dia 8 do mesmo mês.

0

Prefeitura reativa o Centro Cultural Miguel Arraes

O advogado Antônio Campos e o prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira (PR), visitaram nesta terça-feira (21) o Centro Cultural Miguel Arraes, que está sendo reativado pela prefeitura para preservar a memória política do ex-governador.

O Instituto Miguel Arraes, que tem como presidente o advogado, ficará responsável pela montagem de memorial permanente no Centro Cultural, sem ônus para a prefeitura.

O Centro contará com atividades esportivas e culturais, devendo funcionar de segunda a sexta no horário comercial.

Miguel Arraes foi deputado estadual e federal, prefeito do Recife e governador (três vezes). E o Instituto que leve o seu nome foi fundado e é mantido pelo neto Antonio Campos, irmão do ex-governador Eduardo Campos.

0

Violência nos ​ônibus será debatida na Câmara Municipal do Recife

A Câmara Municipal do Recife fará uma audiência pública na próxima sexta-feira (24) para debater a violência nos transportes coletivos da área metropolitana.

A proposição foi do vereador Rinaldo Júnior (PRB)​atendendo a uma solicitação do Sindicato dos ​Trabalhadores em Transportes Rodoviários Urbanos de ​P​assageiros do Recife e Região Metropolitana.

“Quando recebemos o ofício do Sindicato solicitando a audiência, imediatamente mobilizamos o nosso gabinete. É preciso dar um basta nesta situação caótica e de medo.  A sociedade clama por uma providência do poder público”, declarou Rinaldo Junior.

Além do Sindicato dos Trabalhadores, também foram convidados para a audiência pública o Sindicato dos Metroviários, o Sindicato dos Taxistas, a Secretaria de Defesa Social, a Secretaria de Segurança Urbana do Recife, o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Pernambuco (Urbana-PE) e a Associação dos Usuários dos Transportes Coletivos.

0

Armando visita São Lourenço e elogia gestão do prefeito Bruno Pereira

O senador Armando Monteiro (PTB) fez uma visita nesta segunda-feira (20) a São Lourenço da Mata para uma troca de opiniões com o prefeito Bruno Pereira (PTB).

Foi o terceiro município da área metropolitana visitado pelo senador nos últimos 15 dias com vistas à construção de sua candidatura ao governo estadual em 2018.

O prefeito pediu apoio ao senador para obtenção de recursos federais a fim de reformar o pátio da feira, que precisa de ampliação.

O senador, por sua vez, elogiou a criação, por parte da prefeitura, da Agência Municipal de Desenvolvimento Econômico, Turismo, Agricultura e Meio Ambiente.

“A Prefeitura não pode apenas se voltar para a prestação de serviços convencionais, como o da limpeza. O município também tem que atuar na promoção econômica, na atração de investimentos e na articulação para gerar empregos. A criação da Agência de Desenvolvimento marca uma preocupação do prefeito Bruno Pereira em atuar nessa promoção econômica. Eu quero ser parceiro desse trabalho para a gente levar investimentos para São Lourenço e gerar empregos, que é o que a população precisa”, afirmou Armando Monteiro.

A visita de Armando Monteiro a São Lourenço começou pela prefeitura, onde ele foi recebido pelo prefeito Bruno Pereira, pelo vice Gabriel Neto (PRB), secretários municipais e vereadores da nase governista.

Em seguida, o senador e o prefeito fizeram uma visita ao Hospital e Maternidade Petronila Campos, reaberto no início deste mês após ter ficado fechado por cinco meses para reforma. N

A visita foi encerrada com uma passagem pelo pátio da feira. Acompanharam o senador o presidente estadual do PTB, deputado José Humberto Cavalcanti, o deputado federal Zeca Cavalcanti (PTB) e os deputados estaduais Júlio Cavalcanti (PTB) e Joel da Harpa (SD).

0

Prefeito disciplina comércio informal em Jaboatão dos Guararapes

Por determinação do prefeito Anderson Ferreira (PR), servidores da Secretaria de Serviços Urbanos iniciaram nesta quinta-feira (16) as primeiras ações no bairro de Prazeres com o objetivo de disciplinar o comércio informal no município.

Além de realizar um mutirão de limpeza, os servidores informaram aos ambulantes que a partir de agora está proibida a instalação de bancas e barracas nas calçadas e ruas no trecho compreendido entre o Mercado Público das Mangueiras e a Rua Santo Elias.

O objetivo desta ação, segundo a prefeitura, é fazer com que as vias públicas não voltem a ser ocupadas de forma irregular, garantindo, assim, o livre fluxo de pedestres e de veículos.

Para garantir o cumprimento da ordem do prefeito, a equipe da Secretaria contou com o apoio da Guarda Municipal, de agentes de trânsito, da Polícia Militar e do Grupamento de Apoio ao Meio Ambiente.

Segundo o secretário Marcelo Côrte Real, a ação transcorreu de forma pacífica. As equipes da prefeitura conversaram com os cerca de 150 ambulantes que atuavam no local e eles entenderam a posição do prefeito.

​Esta foi a segunda intervenção da prefeitura para disciplinar o comércio informal. A primeira foi em fevereiro, em Jaboatão Centro, próximo à Praça Nossa Senhora do Rosário.

0

Advogado Walber Agra entra na defesa de Antonio Campos

O candidato derrotado à Prefeitura de Olinda, Antônio Campos, contratou o advogado Wálber Agra para defendê-lo na Ação de Investigação Judicial Eleitoral que ajuizou contra o prefeito de Olinda, professor Lupércio (SD), e seu vice Márcio Botelho.

A pedido de Campos, que também é advogado e já vinha advogando em causa própria, a Polícia Federal instaurou inquérito, que corre em segredo, para apurar denúncias de que na campanha do atual prefeito teria havido abuso de poder econômico.

Além de Agra, Campos conta também na batalha judicial que ora trava para tentar cassar mandato do prefeito de Olinda com apoio dos advogados Bruno Brennand (PE) e José Eduardo Alckmin (SP).

0

Grupo InBetta lança pedra fundamental no município de Paulista

O grupo InBetta, que tem sua sede no Rio Grande do Sul, lançou nesta segunda-feira (13) a pedra fundamental da central de distribuição que pretende instalar no município de Paulista, área metropolitana do Recife.

O empreendimento irá gerar aproximadamente 300 empregos diretos e 1.200 indiretos, dando prioridade à mão de obra local. A previsão é de que a central comece a operar em dezembro deste ano.

O governador Paulo Câmara e o prefeito Júnior Matuto (PSB) participaram da solenidade, que teve também a presença de representantes do grupo gaúcho.

Com investimentos de R$ 100 milhões, financiados pelo Banco do Nordeste do Brasil (BNB), a central de distribuição dará início ao recrutamento dos funcionários em julho próximo.

Quando concluída, a unidade irá distribuir para o Nordeste produtos de higiene, material de limpeza doméstica e industrial, ferramentas e utensílios domésticos.

A primeira etapa da unidade vai ocupar uma área de 33 mil m², localizada às margens da PE-22, em Maranguape 2.

O presidente do Grupo InBetta, Eduardo Bettanin, garantiu que Pernambuco foi a melhor escolha para a instalação do empreendimento devido à sua localização geográfica.

“Esta será uma fábrica potente e inovadora, que produzirá, em um único ambiente, os produtos que atualmente produzimos em três plantas no Rio Grande do Sul. Vamos contar também com os mais modernos equipamentos e sistemas de produção, que serão operados por pernambucanos competentes como os que hoje operam a nossa central em Jaboatão”, disse ele.

0

Ação que questiona o mandato do prefeito de Olinda começa a andar

A pedido do Ministério Público Eleitoral, a Polícia Federal abriu inquérito no último dia 6/3 para apurar indícios de irregularidades na campanha que levou o Professor Lupércio (SD) à Prefeitura de Olinda.

A ação, que tramita em segredo de justiça, foi ajuizada pelo advogado Antonio Campos (sem partido), que perdeu para ele no segundo turno.

O inquérito será conduzido pelo delegado Belmito Delinst. Segundo o Ministério Público, a abertura do inquérito é necessária “uma vez que há fortes indícios da ocorrência de práticas criminosas durante a realização da campanha eleitoral, mas que necessitam de uma maior investigação”.

Campos ajuizou uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral e outra de Impugnação de Mandato Eletivo contra o Professor Lupércio e seu vice, Márcio Botelho, perante a 10ª Zona Eleitoral/Olinda.

E, mais recentemente, solicitou o sobrestamento dos feitos até a conclusão do Inquérito Policial Federal.

Além disso, na última sexta-feira, argüiu “falsidade documental” quanto a recibos emitidos por duas gráficas que teriam trabalhado para a campanha do Professor Lupércio.

O prefeito contratou o advogado pernambucano Lêucio Lemos para defendê-lo.

0

Prefeito do Cabo dá 15 dias de prazo à Compesa para anunciar seu plano de investimentos

O prefeito do Cabo de Santo Agostinho, Lula Cabral (PSB), notificou hoje (13) a Compesa para que apresente, no prazo de 15 dias, um plano de metas e investimentos no município sob pena de cancelar a concessão dada à companhia para explorar seus serviços de água e esgotamento sanitário.

A entrega da notificação foi feita pessoalmente ao presidente Roberto Tavares pelos secretários Paulo Farias do Monte (Governo) e Osvir Thomaz, (Assuntos Jurídicos).

No documento, a Prefeitura solicita o regulamento geral de fornecimento de água e esgoto vigente, as tarifas atualmente praticadas, o plano de metas, o plano municipal de saneamento básico, o inventário de bens utilizados na prestação dos serviços e o plano de investimento para a cidade.

“A Compesa vem descumprindo o que estabelece o contrato com o município. Já houve muitas tentativas de entendimento, mesmo o Cabo permanece sofrendo com a falta d’água e de saneamento básico, mesmo possuindo os mananciais que abastecem a cidade e outras localidades da área metropolitana como Pirapama e Utinga”, afirmou Paulo Farias.

Segundo ele, caso a Compesa não responda a notificação dentro do prazo, será rescindido o contrato e rompido o convênio.