0

Arrecadação do ICMS de janeiro a agosto deste ano cresceu 2,2% na região Nordeste

Mais um dado foi divulgado nesta segunda-feira (13) para comprovar que o Brasil se livrou, definitivamente, da recessão que teve início no governo da presidente afastada Dilma Rousseff.
De acordo com o BNB, o Nordeste arrecadou R$ 47,7 bilhões de ICMS nos oito primeiros meses deste ano, o que significa um crescimento de 2,2% em relação ao mesmo período do ano passado.
Houve aumento real de receita nos Estados de Sergipe (+3,9%), Bahia (+3,4%), Piauí (3,2%), Pernambuco (+3,1%), Ceará (+3,1%), Paraíba (+2,9%), Maranhão (+0,7%) e Rio Grande do Norte (+0,6%).

O setor terciário apresentou a maior participação média na arrecadação do ICMS: 43,4%. Os setores secundário, terciário e de energia (petróleo, combustíveis e lubrificantes) concentraram 95,9% da arrecadação total.

O levantamento foi feito pelo Escritório Técnico de Estudos Econômicos do Nordeste (Etene), do BNB, com dados do Banco Central e do Ministério da Fazenda. O estudo completo está disponível no site www.bnb.gov.br/diario-economico-2017.

Deixe uma resposta

Inaldo Sampaio