0

Adeus ano velho e feliz 2017 para todos

Coluna Fogo Cruzado – 31 de dezembro

Os brasileiros estão pessimistas com o futuro do país, que está encerrando o ano com 12 milhões de desempregados, porém é preciso dar um crédito de confiança ao presidente Michel Temer, que na feliz definição do ex-presidente FHC “é o que temos”. Empunhar a bandeira do “Fora, Temer”, como fazem alguns próceres da oposição, agravaria mais ainda a crise política, com reflexos inevitáveis na economia. Porque a saída do atual presidente implicaria a eleição de outro, pelo Congresso Nacional, que tem uma infinidade dos seus membros investigados pela Operação Lava Jato. Temer tem feito exatamente aquilo que pode, com as peças políticas de que dispõe, muitas delas sob questionamentos éticos, mas não é um aventureiro. Recrutou uma equipe econômica de muito boa qualidade e propôs ao Congresso as reformas trabalhista e previdenciária, que o Brasil “não corporativo” reclama há muitos anos. Feliz 2017 para todos!

O presidente Michel Temer não é um aventureiro e recrutou uma equipe econômica de muito boa qualidade

Popularidade não é voto

Pesquisa da Plural que esta “Folha” publicou ontem sobre a taxa de aprovação do prefeito de Caruaru, José Queiroz (PDT), ratifica a tese de que “popularidade não é voto”. Queiroz deixará o cargo amanhã com 80% de avaliação positiva (soma dos quesitos “ótimo”, “bom” e “regular positivo”). Mas o candidato que apoiou nas últimas eleições, Jorge Gomes (PSB), teve apenas 11,62% dos votos válidos.

Tributo – No penúltimo dia do seu 2º mandato, o prefeito de Águas Belas, Genivaldo Menezes (PT), que será sucedido pelo também petista Luiz Aroldo, inaugurou um escola na zona rural com o nome de “Deputado Manoel dos Santos”. Manoel, sertanejo de Serra Talhada e também petista, morreu em 2015.

Unânime – Ao despedir-se anteontem da Câmara Municipal do Recife, vez que não foi reeleito, o presidente Vicente André Gomes (PSB) recebeu elogios de todos colegas do governo e da oposição.

Cobrança – O 25ª Batalhão da PM que o secretário Ãngelo Gioia (SDS) inaugurou ontem em Jaboatão vinha sendo solicitado pelo prefeito Elias Gomes (PSDB) desde a gestão de Eduardo Campos.

Promessa – Michel Temer promete inaugurar o Eixo Leste da transposição do São Francisco entre fevereiro e março de 2017 e o Eixo Norte (que atrasou por pausa de Mendes Júnior) até dezembro.

Aperto – O salário mínimo de R$ 937,00 que entrará em vigor a partir de amanhã continuará sendo pouco para quem ganha e muito para quem paga. Setores de classe média, em peso, estão dispensando suas domésticas porque o salário delas, somado às obrigações sociais, não cabe mais no orçamento.

Sem armas – A dois dias de passar o cargo ao sucessor, Joaquim Neto (PSDB), o interventor de Gravatá, Mário Cavalcanti, entregou um “kit fardamento” aos 76 guardas municipais. O “kit” inclui porta-rádio, porta-algema, porta-lanterna, coturno e spray de pimenta, mas não revólver ou arma branca.

O liberal – No plantão do TSE, o presidente Gilmar Mendes agiu com extrema liberalidade em relação a prefeitos eleitos que tiveram o registro de candidaturas indeferido pelos respectivos Tribunais Regionais Eleitorais. Autorizou a diplomação e posse de João Mendonça (Belo Jardim-PE), Sebastião Quintão (Ipatinga-MG), Luiz Menezes (Tianguá-CE) e Geraldo Torres (Timóteo-MG). Mas sua decisão, frisou, “não tem conteúdo de irreversibilidade”.