0

José Queiroz diz à Rádio Jornal que “ainda há tempo” para reintegrar o vice no seu palanque

O prefeito de Caruaru, José Queiroz (PDT), declarou neste sábado que foi surpreendido pela carta aberta do vice-governador João Lyra Neto (PDT), dizendo que não participará de sua campanha, mas ainda tem esperança de contar com ele em seu palanque.

“Nós compreendemos sua manifestação pública, mas reconhecemos em João Lyra Neto uma peça importante na campanha e iremos trabalhar para tê-lo em nosso palanque”, disse o prefeito à Rádio Jornal.

Declarou também que ainda dispõe de 90 dias para tentar reverter essa situação e que está absolutamente seguro de que o vice irá apoiá-lo.

À mesma emissora, João Lyra Neto informou que sua decisão é irreversível.

Sem categoria
0

Vice-governador afirma por meio de carta que votará em José Queiroz mas não participará da campanha dele

Por meio de uma carta de seis parágrafos, publicada hoje (30) como matéria paga nos três principais jornais do Recife, o vice-governador João Lyra Neto (PDT) e sua filha, Raquel, deputada estadual pelo PSB, afirmam que não irão participar da campanha do prefeito de Caruaru, José Queiroz (PDT), à reeleição.

No entanto, garantem, “votaremos na Frente Popular, honrando o nosso mandato com ética, trabalho e coerência”.

Em resumo, o vice na sua carta, endereçada ao prefeito e ao povo de Caruaru, que tomou essa decisão porque o prefeito o manteve completamente à margem “das questões administrativas e políticas” da capital do Agreste.

Ele disse que ao longo dos últimos quatro anos tentou diversas vezes manter um diálogo político com o prefeito, mas os seus esforços resultaram infrutíferos.

Sem categoria
1

Renildo mantém o PT na sua chapa mas o vice não será o mesmo de 2008

O prefeito de Olinda, Renildo Calheiros (PCdoB), vai disputar a reeleição com apoio do PT mas o vice de 2008 não será o mesmo de 2012.

Saiu e entrou o vereador Enildo Arantes, indicado pela maioria petista que se opôs à tese da candidatura própria.

Defenderam a deputada Teresa Leitão como candidata a prefeita 46% dos membros do partido. No entanto, como 54% foram a favor de manter a aliança com o PCdoB, essa tese prevaleceu.

Sem categoria
1

Mendonça só anunciará seu vice aos 45 minutos do 2º tempo

O deputado Mendonça Filho foi oficializado ontem como candidato a prefeito do Recife pelo DEM mas a chapa ainda não tem vice.

Segundo ele, estão sendo analisadas três opções – o advogado Ramiro Becker e dois professores universitários – mas o anúncio só será feito mais adiante. Por ele, isso pode ocorrer até o próximo dia 5.

À convenção, realizada no Clube Português, teve a presença do ex-senador Marco Maciel e do ex-governador Roberto Magalhães.

Sem categoria
0

Elias Gomes tira o PPS de sua chapa e chama um socialista para ser seu vice

O prefeito de Jaboatão, Elias Gomes (PSDB), conseguiu finalmente o que queria para enfrentar a reeleição: pôr o PSB na sua coligação.

Para tanto, teve que sacrificar o PPS, que não terá mais a vaga de vice, ora ocupada por Edir Pinto Peres.

No lugar de Peres entrou o ex-vereador Heraldo Selva (PSB), presidente do partido no município e filho do ex-deputado Ricardo Selva.

A composição só foi possível depois que o deputado estadual João Fernando Coutinho (PSB) abdicou da candidatura a prefeito.

Sem categoria
0

Deputado Carlos Santana consegue levar o PSB para a sua coligação

Após uma intensa queda de braço com o vereador Romero Sales (PMDB), o deputado estadual e candidato a prefeito de Ipojuca, Carlos Santana (PSDB), conseguiu levar o PSDB para a sua coligação. Seu vice será o diretor do Porto do Recife e ex-vereador em Olinda, Pedro Mendes.

O apoio do PSB foi disputado a tapa entre o candidato peemedebista, que é apoiado pelo prefeito Pedro Serafim (PDT) e o deputado federal Danilo Cabral (PSB), e o deputado tucano.

Carlos Santana levou a melhor, apesar de quatro dos cinco membros da executiva municipal provisória terem sido favoráveis a uma aliança com Romero Sales.

Sem categoria
0

João Paulo aceita ser vice de Humberto Costa a pedido de Rui Falcão

Atendendo a um pedido do presidente nacional do PT, Rui Falcão, o deputado federal João Paulo aceitou ser candidato a vice-prefeito do Recife na chapa do senador Humberto Costa.

Falcão cobrou responsabilidade do ex-prefeito dizendo ser a presença dele na chapa majoritária do partido muito importante para levar o senador ao segundo turno e, quiçá, à vitória.

João Paulo em princípio resistiu, porque já foi prefeito duas vezes e queria ser candidato agora mas o partido não permitiu. Mas acabou aceitando.

A convenção foi realizada ontem (29) mas não teve a presença do prefeito João da Costa nem dos deputados ligados ao seu grupo.

Na ocasião, foi exibido um vídeo com uma fala do ex-presidente Lula declarando seu apoio a Humberto Costa.

Sem categoria
0

Júlio Lossio troca o seu vice para disputar a reeleição em Petrolina

O prefeito de Petrolina, Júlio Lossio (PMDB), trocou o seu vice para disputar a reeleição, mas manteve o PSDB na sua aliança.

Sai o atual vice, Domingos Sávio (PSDB), primo da cantora Ivete Sangalo, para dar lugar ao ex-prefeito Guilherme Coelho (ex-PFL), também filiado ao PSDB.

Guilherme disse ontem (28) que aceitou o convite do prefeito porque se sentiu desafiado a ajudá-lo a levar saneamento básico para 100% dos petrolinenses.

Ele estava afastado da política, cuidando apenas dos seus negócios empresariais. “Mas não poderia recusar um convite deste grande prefeito que é Júlio Lossio”, declarou.

Guilherme é primo em segundo grau do deputado Fernando Filho (PSB), que fará neste sábado a sua convenção com a presença do pai, ministro Fernando Bezerra.

Sem categoria
0

PT e PSB vão se digladiar também em Moreno

O PT da cidade de Moreno lançou neste sábado a candidatura do vereador Ubirajara Paz ao cargo de prefeito.

Ele é arquiteto e urbanista e terá como um de seus adversários o ex-assessor da Casa Civil do Governo do Estado, Adilson Gomes Filho (PSB).

O PSB fez algumas gestões junto à cúpula estadual para ter o vereador no palanque de Adilson Filho, porém as divergências entre esses dois partidos na capital atrapalharam as negociações.

Sem categoria
0

Para onde o Recife quer ir? Para onde Geraldo Júlio pode nos levar

Por: *Murilo Cavalcanti

Recife está perdida. Calçadas mal cuidadas. Altos índices de violência. Degradação urbana. Suja. Baixo desempenho no IDEB. Uma rede de saúde sucateada. Imobilidade urbana. Uma cidade enfartada. E o que é pior não sabe para aonde ir. E para quem não sabe para onde ir, qualquer caminho serve. Esta eleição é uma grande oportunidade para que o eleitor coloque na agenda do dia o seu maior questionamento: para aonde queremos ir? O que dá felicidade é saber para onde se deseja  caminhar. É o que Recife precisa nesse momento.

A cidade é o lugar aonde vivemos. Aonde nos encontramos. Uma cidade de alta qualidade deve ser um direito de seus moradores. Um dever de seus gestores. Ousar. Inovar. Mudar. Copiar as boas experiências. Sair do caos. Levantar o alto astral dos seus habitantes. Implantar um novo modelo de gestão. Persistir na busca incessante no sentido de buscar novos paradigmas de gestão.  Construir. Reconstruir. Nunca desistir.

Geraldo Júlio se apresenta como uma esperança e uma resposta para tantas perguntas e tantas incertezas. Jovem talento. Uniu desiguais.  Apresenta-se com o sentimento de construir pontes. De semear a cultura da paz. De quebrar barreiras. De olhar para o futuro. De cuidar da cidade. De abrir novos caminhos. De alargar horizontes.

Geraldo Júlio pode ser esse líder das transformações que Recife tanto precisa. Faz a gente se encher de  esperança. De tornar realidade tantas inquietações coletivas. A  pensar e refletir um pouco para onde queremos ir. E quando sabemos para onde queremos ir, fica mais fácil  se construir as utopias e os sonhos que tanto almejamos.

*Murilo Cavalcanti é militante do Movimento Brasil Sem Armas.

Sem categoria