0

Governador Eduardo Campos não terá agenda pública nesta quarta-feira

O governador Eduardo Campos não terá agenda pública nesta quarta-feira. Ele vai estar na Secretaria do Planejamento, na Rua da Aurora, participando de reunião de monitoramento com o secretariado.

Nesta terça-feira ele também não teve compromissos externos. Comandou reuniões de monitoramento para acompanhar as ações de cada pasta.

A cada 30 dias, o governador senta com os secretários para ouvir deles uma prestação de contas: o que fez, o que não fez, por que não fez, prazo para conclusão de obra, etc. É o modelo de empresa privada funcionando num ente público.

0

Urbanitários protestam nas ruas do Recife contra a “privatização” da Compesa

Membros do Sindicato dos Urbanitários de Pernambuco fizeram um protesto na tarde desta terça-feira nas ruas do Recife contra a “privatização” da Compesa. Tinha pouca gente mas, mesmo assim, atrapalhou o trânsito.

O que eles chamam de “privatização” é a celebração de uma parceria público privada mediante a qual serão investidos R$ 4 bilhões na universalização dos serviços de saneamento básico em todas as cidades da área metropolitana nos próximos 12 anos.  O consórcio que fará o investimento terá a concessão para explorar o serviço pelo prazo de 30 anos.

O Sindicato “ideologizou” essa discussão como se o povo que precisa de água e esgoto estivesse preocupado com quem é o dono da Compesa. Ele quer a prestação do serviço, independente de o prestador ser público ou privado. Sem essa PPP, a Compesa levaria 60 anos para levar água e esgoto a todas as casas da RMR.

Em resposta aos sindicalistas, o presidente da empresa, Roberto Tavares, convidou-os para conhecer os detalhes da PPP, que vai assegurar a manutenção da tarifa social para pessoas de baixa renda: cerca de R$ 6,50.

 

1

Paulista está se aproximando dos 200 mil eleitores

Técnicos do Tribunal Regional Eleitoral avaliaram nesta terça-feira que o próximo município pernambucano a chegar à casa dos 200 mil eleitores será Paulista, na área metropolitana do Recife.

A cidade conta hoje com 187 mil eleitores inscritos e se chegar aos 200 mil até o dia 9 de maio próximo, data de encerramento das inscrições, terá dois turnos para prefeito.

Hoje, apenas três cidades pernambucanas têm mais de 200 mil eleitores: Recife, Jaboatão e Olinda. A caminho estão Paulista, Caruaru e Petrolina.

Em Paulista, até agora, há três pré-candidatos a prefeito com chance de vitória: Sérgio Leite (PT), Júnior Matuto (PSB) e Jorge Carrero (PCdoB).

0

Advogado Roberto Moraes resolve deixar a comissão eleitoral da OAB

Por ter mais de 30 anos de atuação na Justiça Eleitoral de Pernambuco e de Brasília, o advogado Roberto Morais foi convidado recentemente pelo presidente Henrique Mariano para integrar a Comissão Eleitoral da OAB-PE.

Ele ficou satisfeito com o convite, interpretando-o como uma homenagem à sua longa militância no foro do Recife.

Nesta terça-feira, entretanto, ele resolveu abrir mão de sua vaga na Comissão por uma questão de foro íntimo.

“Avaliei minha presença na Comissão sob o ponto de vista ético e cheguei à conclusão de que não deveria continuar. Sou advogado de muita gente e poderia haver conflito de interesses entre o meu escritório e a Comissão da OAB. Por isso decidi cair fora”, disse ele, que é irmão do corregedor do Tribunal de Justiça, desembargador Bartolomeu Morais.

1

Campeão de votos em Santa Cruz do Capibaribe vai declara apoio à candidatura de Ernesto Maia

O quadro sucessório em Santa Cruz do Capibaribe começa a se definir do lado da situação.

Ficou decidido na semana passada, em reunião da cúpula do PTB, que o prefeito Toinho do Pará nem o deputado José Augusto Maia seriam candidatos. E que a chapa da situação seria encabeçada por um desses quatro nomes: o vice José Elias, o bioquímico Dr. Nanau ou os vereadores Fernando Aragão e Ernesto Maia.

Nesta quarta-feira, o vereador Deomedes Brito (PT), o 1º lugar em 2008 com 3.385 votos, dará  uma coletiva de imprensa para anunciar seu apoio a Ernesto Maia, que é sobrinho do deputado José Augusto e já está com pinta de candidato. “O processo de escolha do candidato do nosso grupo já está na reta final e por isso creio ser chegada a hora de todos anunciarem os seus apoios e firmarem suas posições”, disse Deomedes Brito.

Do lado da oposição, o candidato já está definido. É o deputado estadual Édson Vieira (PSDB) em aliança com o PSB (deputado Diogo Moraes).

0

PT de Petrolina vai abrir o debate sobre a sucessão municipal

O diretório do PT estará reunido no próximo sábado para abrir o debate político sobre a sucessão municipal.

Vão estar na pauta o lançamento de candidatura própria à sucessão do prefeito Júlio Lossio (PMDB), as conjunturas nacional, estadual e municipal, os prazos eleitorais e a comissão eleitoral, dentre outros assuntos.

A reunião será conduzida pela presidente municipal do partido, deputada Isabel Cristina e terá a presença do pré-candidato a prefeito, deputado Odacy Amorim.

Este se declara aberto para conversar com outros partidos da Frente Popular, mas dificilmente abriria mão da cabeça da chapa por encontrar-se em 1º lugar em todas as pesquisas.

0

Taxa de desemprego na Região Metropolitana MR é a menor de toda a série histórica

Dados do Condepe/Fidem divulgados hoje (31) indicam que a taxa de desemprego total na Região Metropolitana do Recife diminuiu entre os meses de novembro e dezembro de 2011 de 12,8% para 12,2% da população economicamente ativa .

Em 2011, segundo a Agência, a taxa de desempregados na RMR chegou a 13,5%, a menor de toda a série histórica iniciada em novembro de 1997.

Com relação às demais regiões metropolitanas pesquisadas, apenas Belo Horizonte e Porto Alegre tiveram desempenho semelhante à RMR. Os dados são da Pesquisa de Emprego e Desemprego realizada pelo Condepe/Fidem em parceria com o Dieese e a Fundação Seade.

“O foco da Secretaria do Trabalho e Empreendedorismo é investir na capacitação profissional, que tem como grande diferencial o ensino técnico. Por isso a nossa expectativa é que 2012 seja ainda melhor”, disse o secretário Antonio Maranhão Fernandes.

 

0

Prefeitura de Lagoa Grande abre concurso para o preenchimento de 221 vagas

A Prefeitura de Lagoa Grande anunciou nesta terça-feira que está abrindo um concurso público para o preenchimento de 221 vagas em seu quadro de pessoal.

Segundo a prefeita Rose Garziera (PR), o concurso será realizado pela Asconprev  (Assessoria, Consultoria Contábil, Previdenciária e Gestão de Pessoas Ltda). O concurso será para cargos de níveis fundamental, médio e superior, com remuneração de até R$ 1.800,00.

Os interessados poderão se inscrever através do endereço eletrônico www.asconprev.com.br até o dia 29 de fevereiro, pagando taxa que varia de acordo ao nível do cargo pretendido: R$ 50,00 (fundamental), R$ 70,00 (médio) ou R$ 80,00 (superior).

De acordo com a assessoria de comunicação da prefeitura, a prova objetiva terá duração de quatro horas e será realizada no dia 25 de março de 2012, para todos os cargos, com início previsto para às 14h, em local a ser divulgado no site www.asconprev.com.br ou no prédio da Prefeitura e das secretarias municipais de Educação e Saúde.

O gabarito preliminar da prova objetiva será divulgado no dia 26 de março e o resultado sairá no dia 02 de abril de 2012, sendo publicado na Prefeitura e na Câmara Municipal, além do site www.asconprev.com.br.

O concurso terá validade de dois anos, contado a partir da data de homologação, podendo ser prorrogado por igual período a critério do executivo municipal.

0

Sérgio Magalhães defende afastamento do prefeito do Recife por não ter respondido a dois pedidos de informações

O vereador Sérgio Magalhães (PSD) defendeu na Câmara Municipal, nesta terça-feira, a “suspensão temporária” do mandato do prefeito do Recife, João da Costa (PSD), “até que sejam cumpridas as respostas dos pedidos de informação, 4008 e 4011, todos de 2011, de forma integral”.

Segundo ele, a Lei Orgânica do Recife em seu artigo 23, combinado com o artigo 59, inciso III, estabelece as punições ao prefeito, vice-prefeito e seus auxiliares da seguinte forma: Art. 59. – São infrações político – administrativas do prefeito, vice-prefeito e seus auxiliares:   III – Desatender as convocações ou não responder integralmente os pedidos de informações da Câmara Municipal do Recife, sem motivo justo e comunicado no prazo de 30 (trinta dias).

“É exatamente isto que o senhor prefeito tem feito. Responde no prazo, porém sem nenhum conteúdo. Ele brinca com o Poder Legislativo e se recusa a responder aos pedidos de informação de vários vereadores, principalmente se eles forem de oposição”, disse Sérgio Magalhães.

“No caso específico”, acrescentou, “poderíamos ingressar com uma representação no Ministério Público ou no Tribunal de Contas, mas seria uma forma de reconhecer e diminuir o nosso papel fiscalizador”.

“É estranho que qualquer solicitação de informação que envolva a Secretaria de Educação ou a Emlurb, em especial quando se trata do lixo, o prefeito e seus auxiliares se neguem a responder ou respondam de forma parcial, principalmente quando se faz referência ao aterro sanitário para onde se destina todo o lixo do Recife ou ao contrato da Vital Engenharia e Cael, que fazem a coleta e varrição do lixo da capital”, acrescentou.

Neste momento, disse ainda o vereador, só cabem duas alternativas: a instalação de uma CPI ou suspender as atividades do prefeito até que ele responda e entenda o papel fiscalizador dos vereadores. “É assim que funcionam os regimes democráticos”, concluiu.

0

OAB explica em Nota Oficial porque suspendeu o advogado Gil Teobaldo

Por meio de Nota Oficial, a OAB-PE explicou nesta terça-feira por que suspendeu por 30 dias o advogado criminalista Gil Teobaldo de Azevedo.

Segundo a Nota, o advogado cometeu infração ético-disciplinar prevista na Lei Federal 8.906/94 (Estatuto da Advocacia e da OAB).

É que, segundo o documento, durante um programa de rádio, em 2010, Gil Teobaldo defendeu e tentou justificar o “covarde assassinato cometido pelo seu filho, José Ramos Lopes Neto, contra a sua ex-nora Maristela Just, dizendo: ‘Se ele não matasse, não comia na minha mesa’”.

“As palavras do advogado causaram repulsa em toda a sociedade, inclusive entre os advogados. Essa atitude, própria de pessoas primitivas, maculou a imagem da advocacia pernambucana e feriu todos os princípios éticos, de civilidade e de respeito à dignidade da pessoa humana que devem nortear toda relação em sociedade. É um comportamento incompatível com o exercício da advocacia, configurando infração ético-disciplinar prevista no artigo 34, parágrafo XXV, do Estatuto: (constitui infração disciplinar, manter conduta incompatível com a advocacia”, disse o presidente da OAB-PE, Henrique Mariano. O advogado também foi intimado a apresentar imediatamente à OAB-PE a sua carteira de identidade profissional.

O processo ético disciplinar na OAB/PE foi instaurado a partir de uma representação, feita ao Tribunal de Ética e Disciplina pelo conselheiro federal da OAB-PE e presidente da Comissão Nacional de Direitos Humanos, Jayme Asfora.